6 dicas infalíveis para você não perder suas milhas aéreas


6 dicas para não perder suas milhas aéreas

Cerca de 18% das milhas aéreas emitidas no Brasil vão para o lixo. O dado é chocante e significa que 40% das pessoas que acumulam pontos e milhas aéreas em programas como o pontos Multiplus e TudoAzul, já perderam suas milhas ao menos uma vez. Até mesmo o Fábio, acumulador de milhas nível expert que escreve sobre como juntar pontos no Viagens e Vivências, já afirmou que perdeu alguns pontos após o decurso do prazo. Nesse caso, via de regra, não há o que se fazer. Você perdeu a chance de realizar uma viagem, resgatar um bom prêmio, ou vender milhas.

Como você já sabe, milhas aéreas não são gratuitas. Mesmo que você não pague diretamente pelos pontos Multiplus, TudoAzul, ou Smiles, eles tem seu valor embutido no preço das milhas aéreas. Para que você não perca o dinheiro e o tempo investido no acumulo e na compra de milhas aéreas, nós separamos algumas dicas infalíveis para você não correr mais o risco de perder seus pontos.

#1 Fique atento a validade de suas milhas e ao regulamento do programa

Esse é o principal motivo que leva tantas milhas aéreas ao lixo. Acontece que, os programas de fidelidade visam recompensar os clientes que, com frequência, consomem suas passagens aéreas e outros serviços parceiros. Além de estimular o aumento da frequencia de compra. A validade das milhas é uma pressão a mais para que o associado as redes de fidelidade da LATAM, Azul e Gol façam mais embarques com o intuito de acumular milhas.

Para evitar que a companhia estorne suas milhas o ideal é que você busque conhecer o regulamento da empresa que gerencia suas milhas e atente ao prazo de validade das suas milhas, principalmente aquelas de curta duração, disponibilizadas como bônus por transferências que expiram em apenas seis meses.

Para facilitar sua vida, adiantamos que as milhas LATAM e pontos Multiplus tem validade padrão de 2 anos. A milhas Gol, ou pontos Smiles tem validade um pouco mais extensa 3 anos . Assim como no Multiplus, o pontos TudoAzul expiram após dois anos.

Mas já existem alguns projetos de lei e dicisões judiciais tentando modificar esse panorama. Para saber mais sobre esse tema confira nosso artigo com o que diz o Direito sobre as milhas aéreas.

#2 Use um software para gerenciar suas milhas – Oktoplus

Esse app irá impedir que você passe por uma situação constrangedora na hora de resgatar um produto com suas milhas aéreas e seja surpreendido com um saldo muito inferior ao esperado. Com versões para iOS e Androind, o Oktoplusque é simbolizado por um polvo controla com poucas informações todos os seus programas de fidelidade.

Entre as funcionalidades do novo aplicativo que conta com versão web, destacamos o alerta de pontos a vencer, com algumas dicas de uso; o oktoplus conta com suporte para recuperação das senhas, a calculadora para acumular milhas aéreas com dicas para cada um dos programas e a possibilidade de conctar contas. Esta última serve para você concentrar contas de parentes e amigos em uma única plataforma, assim entra todo mundo de férias juntinho e ninguém perde suas milhas.

#3 Transfira seus pontos para um único programa

Com a ajuda de um app para gerenciar as milhas, como o Oktoplus, fica mais fácil ser associado a diversos programas de fidelidade. Porém, para resgatar, ou vender milhas, você irá precisar de um saldo considerável de milhas e pontos de fidelidade. Pois tanto o Smiles, quanto o Multiplus e o TudoAzul exigem altas cotações por suas premiações mais interessantes e a plataforma da CSM precisa de um saldo mínimo para comprar milhas aéreas. Se você dividir seus gastos em diversos programas, ficará mais difícil acumular a pontuação necessária.

O ideal é escolher o programa de fidelidade que lhe ofereça mais vantagens e concentrar seus gastos nos parceiros desse programa e transferir os pontos dos programas menores para ele. Os programas ideais para concentrar suas milhas são o Multiplus, TudoAzul e Smiles, que possuem mais parceiros e dão mais oportunidades para você acumular milhas.

Para escolher o melhor programa de fidelidade para você, confira o guia da CSM com tudo que você precisa saber.

#4 Considere comprar milhas aéreas

Nem sempre é fácil conquistar a viagem dos sonhos com milhas. Uma viagem de São Paulo para Miami no Smiles, por exemplo, custa cerca de 90 mil milhas Gol. Talvez não seja tão simples para você obter esse saldo com seu gasto padrão. O mesmo vale para quem almeja vender milhas, mas ainda não conquistou o saldo mínimo. As vezes compensa comprar milhas, para obter o mínimo necessário para o resgate e venda de milhas.

#5 Planeje-se com antecedência

Seja qual for a área (pessoal, profissional, academica, amorosa, ou financeira), o planejamento é fundamental para o sucesso. Acumular milhas é um projeto a médio e longo prazo. Conquistar viagens gratuitas e vender milhas demandam uma logistica e administrar as compras e os pontos. Caso você tenha em mente onde deseja chegar com o acumulo de milhas, as chances de sucesso aumentam consideravelmente.

Quem sabe desde o inicio do ano que terá férias em dezembro, nas quais pretende viajar para Dubai com as milhas do TudoAzul pode organizar os próprios gastos para aproveitar todas as promoções de acumulo, transferência e compra de milhas para chegar no mês do Natal, com milhas suficientes para resgatar um bom voo. Além de vender milhas para bancar as demais despesas da viagem.

#6 Pense em vender milhas

As vezes simplesmente não vai dar para resgatar aquela passagem, ou você não terá dias de folga suficientes para ausentar-se do trabalho, ou dos estudos, ou não tem milhas suficientes para o resgate. Nesse caso, a melhor opção sem dúvidas é vender milhas. Para isso você pode contar com o formulário no topo do site.

Esperamos que você tenha gostado do texto. Se tiver ficado alguma dúvida sobre como aproveitar suas milhas pergunta para gente lá no facebook.