Trocar pontos do cartão por milhas, ou dinheiro?

Índice

    A Caixa Econômica Federal anunciou uma parceria pioneira entre as grandes instituições financeiras. O banco estatal é o primeiro entre os cinco maiores a formar parceria com o InMais. Novidade que pretende atingir meio milhão de pessoas.

    A estratégia entrou em vigor no dia primeiro e, por hora, abrange usuários dos cartões Mastercard, Elo e Visa das modalidade internacional, Gold, Platinum, Infiniti e Black.

    O Santander já possui mecanismo para você abater parte da fatura com os pontos do cartãa, uma forma de trocar pontos por dinheiro. Mas apenas bancos regionais, como o BRB de Brasília, possuíam parceria com o InMais.

    Como funciona o novo programa de fidelidade

    Seus gastos com o cartão de crédito da Caixa rendem pontos. Quando seu saldo atinge 4 mil unidades, você pode transferí-los para o inMais. Sendo que no novo programa cada ponto vale 1 real. Para realizar a transferência, você p0de realizar a solicitação pelos telefones 08009409009 ou 4004-9009.

    Além de dinheiro (cash-back), o novo programa permite que você resgate produtos como móveis e eletrodomésticos. Além de serviços como recargas de celular e ingressos.

    Para fazer o cash-back, o inMais te cobra uma taxa de 3,65, ou 365 pontos. Mas na transferência, a empresa lhe dá um bônus por trocar os pontos do cartão, conforme a lista abaixo.

    4.000 pontos Caixa -> 10% de bônus

    7.000 pontos Caixa -> 20% de bônus

    15.000 pontos Caixa -> 30% de bônus

    Então, chegamos a grande questão.

    Vale a pena trocar pontos por dinheiro?

    Suponhamos que você tenha acumulado 30 mil pontos em seu cartão da Caixa e transfira os pontos para o inMais. Com o bônus teria um saldo de, quase, 40 mil pontos. Feito o resgate, você receberia em sua conta 400,00 reais. Menos os 3,65 de taxa.

    Caso você transferisse esses mesmos pontos para a Multiplus, gestora das milhas LATAM, provavelmente receberia o mesmo bônus de 30%, o que totalizariam os mesmos 40 mil pontos por aproximação. Esse valor pode ser vendido para a CSM por cerca de 800 reais.

    A operação é simples.

    800,00 (ganhos com a venda de milhas) – 396,35 (ganhos com o InMais = 403,65 (lucro com a venda de milhas)

    Mais uma vez, vender milhas é a melhor opção.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.